O Novo Journalism | Morte de Um Troll

Breitbert, colunista do Washington Times, toma parte em debate no Fox News.

O Instituto Claremont., mecca do neoconservadorismo, dá adeus a um colega aguerrido.

Amigo e bolsista nosso em 2009, Andrew Breitbart faleceu de repente com 43 anos de idade. Generoso de espírito, apaixonadamente conservador no jeito iconoclasta dele, e incansável na sua oposição ao viés esquerdista da mídia, ele enxergava o liberalismo moderno como um assalto ao constitucionalismo e liberdade individual. Somente esse compreensão profundo podia ter resultado no império midiático que continuará sendo importante por muitos anos.

Que Breitbart era pioneiro desse tipo de neo-UDNism gringo eu posso servir de testemunha; fazia alguns cursos na Faculdade de Graduação Claremont, parte do complexo de pequenos faculdades «no modelo de Oxford» no sul de California.

O remarcável dessa morte precoce foi o obituário no Huffington Post, onde fica claro como a luta livre retórico do novo — supostamente — jornalismo ultrapassa qualquer escolha sincera de um lado ou outro.

A vida da própria Arianna Huffington já seguia esse enredo: uma mulher muito visível na mídia de um candidato republicano ao Senado, ela deixou o marido, muito publicamente, quando foi revelado que ele era gay.

Com isso, Ariana a Rainha dos Conservadores virou mais Democrata do que Bobby Kennedy, só que jamais largou o nome do marido, provavelmente para desviar atenção do seu forte sotaque romeno.

Andrew Breitbart, fundador hiperative, charmoso e polêmico do site Big Government e outros relacionados, que morreu hoje com 43 anos, tambem servia como o laço entre dois dos projetos mais bem-sucedidos da última década:  O Drudge Report, onde  passou anos colaborando, e Huffington Post, ao nascimento do qual estava — embora por pouco tempo — presente.

Eu termino a tradução daqui um pouco.

Breitbart’s role as Drudge’s right hand is well known; less public was his brief, memorable stint as one of four partners in the Huffington Post in 2005. It’s a story that hasn’t been told in great detail, but BuzzFeed founder Jonah Peretti, who also co-founded the Huffington Post with with the site’s namesake Arianna Huffington and media business figure Ken Lerer, recalled that period in an interview today.

Breitbart também escrevia uma coluna no neoconservador Washington Times — financiado pela Igreja Unificação, do Reverendo Moon.

Breitbart’s role later became contested — he brashly claimed total credit for “the plan,” which his former partners denied — but he was an unmissable presence in the Soho office that was for a time Huffington Post’s New York headquarters. There, for a month in the spring of 2005, he worked closely with Lerer (who is now Chairman of BuzzFeed), and Peretti, a graduate of MIT’s media lab, to launch the site.

O HuffPo credita o Breitbart com o planejamento e pesquisa de mercado que contribuiu ao crescimento de uma voz programaticamente contrária, quando do conteúdo, mas estrategicamente consistente — não se faz «jornalismo» de ranço partidário sem dois peso-pesados no ringue.

“Nos ensinamos muitas coisas no começo,” disse Peretti, lembrando como o Breitbart lhes mostrava vários aspectos do ecosistema midiático. “Explicou como ele olhava os jornais ingleses anoite, quando às vezes lançaram uma notícia antes que os jornais em casa. Ele importava-se com divulgando matérias minutos ou segundos antes de concorrentes na imprensa; era obceçado com isso ”

Breitbart também era uma fonte sem fim de ideias, nem todas do qual acabaram realizadas na prática.

“He wanted every commenter to have to pay $1 to comment, and the dollar would go to charity but the user’s true identity would be authenticated through a credit card,” Peretti recalled, noting that the idea prefigures current attempts to authenticate identity online.

He also proposed “a phone number where celebrities could call in and leave voice blogs that would automatically appear on the site ,” Peretti recalled. “He wanted that built before launch, and launch was four days away.”

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

Join 272 other followers